ads-geral-topo
Turismo

Festa das Neves é reconhecida como patrimônio cultural imaterial do ES

A festa religiosa foi inserida no conceito de bens culturais estabelecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)

Por Redação

4 mins de leitura

em 21 de jun de 2024, às 12h07

Foto: Divulgação / Diocese de Cachoeiro

O Santuário das Neves teve sua festa em honra à padroeira Nossa Senhora das Neves, reconhecida como patrimônio cultural imaterial do Estado. O reconhecimento consta na Lei 12.169.

Inicialmente, o santuário já foi tombado como patrimônio histórico pelo município em 17 de janeiro de 1995, e pelo estado em 26 de novembro de 2008. Agora, a festa religiosa foi inserida no conceito de bens culturais estabelecido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Conforme a definição, esses bens, “dizem respeito àquelas práticas e domínios da vida social que se manifestam em saberes, ofícios e modos de fazer, celebrações, formas de expressão cênicas, plásticas, musicais ou lúdicas; e nos lugares (como mercados – feiras e santuários que abrigam práticas culturais coletivas)”.

O Santuário

Localizado na Praia das Neves, a 27 km do centro de Presidente Kennedy, o santuário foi construído em estilo colonial com uma arquitetura simples. Contudo, o valor para os fiéis é inestimável.

Todo dia 5 de cada mês é realizada uma novena em homenagem à santa, com centenas de católicos. Porém, no dia 5 de agosto, o pequeno santuário é tomado por fiéis de várias partes. Eles chegam em caravanas para orar e festejar o Dia de Nossa Senhora das Neves.

A pequena igreja perdida no meio da restinga também enfrentou a ganância de caçadores de tesouro. Eles fizeram várias escavações por baixo da igreja em busca do suposto ouro deixado pelos jesuítas, quando foram expulsos do Brasil em 1759.

A igreja foi construída entre 1707 e 1759 com óleo de baleia, ostra, pedra, barro, areia e cal. O responsável pela construção foi o padre jesuíta José de Almeida, com ajuda dos índios catequizados. Os jesuítas chegaram à região pelo Rio Itabapoana e se instalaram na Fazenda Muribeca, No local eram produzidos carne, peixe e outros alimentos para o sustento do projeto missionário no estado.

Igreja de Nossa Senhora das Neves
Foto: Divulgação / Diocese de Cachoeiro

Festa de Nossa Senhora das Neves

A história de Nossa Senhora das Neves teve origem por volta do século IV em Roma, quando um casal de Roma rezava para conceber filhos e pediram a ajuda de Nossa Senhora. Em resposta, Nossa Senhora apareceu ao casal na noite de 4 de agosto, pedindo que fosse construída uma Basílica no Monte Esquilino e que indicaria o local enviando neve. A mesma aparição aconteceu para o Papa da época.

No dia seguinte, em pleno verão europeu, o sol brilhava e neve caia no monte, cobrindo o espaço que deveria ser usado para a construção. Posteriormente, após o Concílio de Éfeso, o Papa Sisto III construiu a atual Basílica de Santa Maria Maior.

A história se espalhou por toda Roma e o dia 5 de agosto passou a ser dedicado à Nossa Senhora das Neves. São Pio V a declarou como festa universal no século XVII e para comemorar o famoso milagre, neste dia, em alguns países, os fiéis lançam pétalas de rosas durante a celebração da missa.

Por fim, em Presidente Kennedy, a Igreja das Neves foi construída onde havia uma igreja de madeira. Logo após, por volta de 1694, com ajuda de índios catequizados e escravos, o novo templo foi erguido. A imagem de Nossa Senhora das Neves veio de Portugal em 1750, que é atualmente “representante legítima” do patrimônio cultural local.

Nossa Senhora das Neves
Foto: Divulgação / Diocese de Cachoeiro

Santuário das Neves nas Redes Sociais

Portanto, foi criado um perfil de Instagram para um dos maiores santuários do sul do Espírito Santo. Assim como existem as redes sociais do santuário de Aracuí (Castelo) e São José de Anchieta (Anchieta), agora os devotos de Nossa Senhora das Neves terão um novo canal oficial.

O objetivo é que as pessoas tenham facilidade de encontrar informações, curiosidades e a programação da festa das Neves em um só lugar. Segundo os organizadores, este assunto foi discutido ao longo dos anos e em 2024 foi concretizado.

Sendo assim, a página do santuário no Instagram é @santuario_neves_oficial

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape