ads-geral-topo
Esportes

Messi viaja para La Paz, mas Scaloni faz mistério sobre titularidade

Messi passou por exames médicos no último sábado para descartar qualquer tipo de lesão, mas a Associação do Futebol Argentino (AFA) não revelou o resultado

Por Estadão

em 11 de set de 2023, às 11h07

2 mins de leitura

Foto: Reprodução/Instagram

O técnico da Argentina, Lionel Scaloni, deixou em dúvida a titularidade de Messi na partida contra a Bolívia na próxima terça-feira (12). O camisa 10 foi substituído no último jogo após marcar o gol da vitória contra o Equador no Monumental de Nuñez e virou dúvida para o próximo confronto. Ele não treinou com o grupo, mas está relacionado para viajar a La Paz.

“Ele viajará, vai viajar. Hoje treinou de forma diferenciada. Ainda faltam dois dias para a partida. Tomaremos a decisão amanhã ou na terça-feira. Estamos prontos para encarar a partida nas melhores condições”, revelou Scaloni em entrevista coletiva.

Messi passou por exames médicos no último sábado para descartar qualquer tipo de lesão, mas a Associação do Futebol Argentino (AFA) não revelou o resultado. Scaloni apenas deixou claro que ele está em condições. Ainda assim, a comissão técnica da Argentina trabalha com cautela, pois entende que a partida em La Paz exigirá muito fisicamente dos jogadores.

A capital da Bolívia fica a mais de 6,4 mil metros de altitude e representa uma dificuldade a mais para todos os atletas que enfrentam a seleção boliviana, que costuma crescer jogando em casa — no nível do mar, em Belém (PA), a Bolívia perdeu por 5 a 1 para o Brasil na primeira rodada da Eliminatórias Sul-Americanas.

“Isso apresenta uma dificuldade adicional, mas sob nenhuma circunstância vou reclamar. Todos têm que viajar até lá”, disse Scaloni, que completou com um alerta para a partida da próxima terça-feira, às 17 horas, pela 2ª rodada: “Sabemos que jogar na altitude não é a mesma coisa que jogar no Brasil. Temos que estar alertas”.

Ainda sem saber se poderá contar com Messi, o treinador deve repetir a mesma base que venceu o Equador por 1 a 0 na quinta-feira. “No início, a ideia é repetir, talvez com algumas variações. Pode ser a entrada desses dois garotos (Julián Álvarez e Ángel Di María) ou não, mas repito, a decisão não será tomada até a manhã antes do jogo”, disse Scaloni, que completou: “Se ele (Lionel Messi) estiver bem, ele joga”.

Estadao Conteudo

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape