ads-geral-topo
Esportes

Inter se reabilita em cima do Red Bull Bragantino e se distancia do bloco do rebaixamento

Agora, espera confirmar nas últimas três rodadas uma vaga para disputar, no próximo ano, a Copa sul-americana

Por Estadão

em 27 de nov de 2023, às 09h07

3 mins de leitura

Foto: Ricardo Duarte

Na tentativa de superar a sua campanha irregular dentro do Campeonato Brasileiro, o Internacional venceu por 1 a 0 o Red Bull Bragantino, neste domingo (26)no Beira-Rio, atingindo a marca de 46 pontos, em 11º lugar, que o deixa praticamente fora de risco de rebaixamento. Agora, espera confirmar nas últimas três rodadas uma vaga para disputar, no próximo ano, a Copa sul-americana.

Enquanto o time gaúcho se reabilitou da derrota por 3 a 0 para o Palmeiras, a equipe paulista sofreu a sua segunda derrota consecutiva, após ter caído diante do Flamengo, por 1 a 0, no Rio. Mesmo assim, com 59 pontos, em sexto lugar, tem amplas condições de terminar dentro do G-6 e garantir sua participação na Copa Libertadores de 2024.

Com cada clube atrás de seu objetivo, o jogo começou aberto. O Internacional ameaçou primeiro, aos oito minutos, com Mauricio arriscando da quina da área um chute cruzado, assustando o goleiro Cleiton, que saltou e viu a bola raspar a trave direita.

O Bragantino respondeu aos 23, após cruzamento do lado direito e que quase Lucas Evangelista acertou de calcanhar já na pequena área. Melhor ainda, aos 26, quando Juninho Capixaba recebeu passe de Mosquera e apareceu na frente do goleiro Rochet, que bloqueou com o peito.

A principal jogada do time gaúcho era o lançamento para Enner Valencia pelo lado esquerdo do ataque. Depois de duas chances perdidas, deu certo a sua arrancada, aos 27, quando entrou na área e foi derrubado por Jadsom Silva, que chegou atrasado e atingiu por baixo o pé do atacante. Pênalti bem assinalado e sem discussão. Na cobrança, aos 29, o próprio Valencia deslocou o goleiro e abriu o placar.

Sem o zagueiro Vitão, substituído por Igor Gomes por lesão muscular, o Internacional ainda teve mais duas boas chances em finalizações de Wanderson. Poderia ter ampliado o placar antes do intervalo.

No segundo tempo, o Bragantino adiantou sua marcação e tentou ser mais agressivo, mas encontrou dificuldades para entrar no bloqueio defensivo gaúcho e apenas finalizou de longa distância. Acuado, o Internacional se fechou na espera de conseguir um contra-ataque para ampliar o placar e garantir a vitória. Só ameaçou uma vez e depois deixou o tempo passar.

Na próxima rodada, quarta-feira, às 20h, o Internacional vai sair diante do Cuiabá, na Arena Pantanal. Depois vai pegar o Corinthians, em São Paulo, e fechará a temporada no Beira-Rio diante do Botafogo. O Red Bull Bragantino vai receber o Fortaleza, quinta-feira, às 20h30, depois será mandante diante do rebaixado Coritiba e vai fechar o ano fora diante do Vasco.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 0 RED BULL BRAGANTINO

INTERNACIONAL – Rochet; Bustos, Vitão (Igor Gomes), Mercado e Renê; Johnny, Mauricio (Nicolás Hernández), Bruno Henrique (Rômulo) e Wanderson; Lucca (Carlos de Pena) e Enner Valencia (Luiz Adriano). Técnico: Eduardo Coudet.

RED BULL BRAGANTINO – Cleiton; Andrés Hurtado (Vitinho), Léo Realpe, Léo Ortiz e Juninho Capixaba; Jadsom Silva, Eric Ramires (Helinho), Lucas Evangelista (Gustavinho) e Juninho Capixaba; Eduardo Sasha (Bruninho) e Henry Mosquera (Alerrandro). Técnico: Pedro Caixinha.
GOL – Enner Valencia, pênalti, aos 29 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Mauricio, Mercado, Luiz Adriano e Rômulo (Internacional); Lucas Evangelista, Léo Ortiz, Luan Cândido, Jadsom Silva e Gustavinho (Red Bull Bragantino).

ÁRBITRO – Felipe Fernandes de Lima (MG).

RENDA – R$ 184.459,00.

PÚBLICO – 22.170 total.

LOCAL – Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Estadao Conteudo

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape