ads-geral-topo
Entretenimento

Exposição fotográfica visibiliza trabalhadores de Vila Velha

A exposição "Mãos que constroem Vila Velha" faz parte da programação do dia 23 de maio, Dia da Colonização do Solo Espírito-Santense

Por Redação

3 mins de leitura

em 20 de maio de 2024, às 13h00

Foto: divulgação

A visitação para a exposição fotográfica “Mãos que constroem Vila Velha” será aberta na próxima quinta-feira (23) na Casa Amarela, na Prainha, e vai até domingo (26), sempre de 14h às 20h. A mostra reúne 36 imagens capturadas pelo fotógrafo Felipe Amarelo, que registrou os trabalhadores em seus respectivos ambientes de trabalho, muitos deles ícones da cidade histórica de Vila Velha, dentre eles: trabalhador do comércio da Glória, trabalhador do comércio do entorno do Convento da Penha, trabalhador da fábrica da Garoto, trabalhador do quiosque, dentre outros.

Leia também: Amigos imáginários: aventura com seres mágicos nos cinemas de Cachoeiro

O intuito é visibilizar o trabalhador e a trabalhadora de Vila Velha promovendo reflexão à luz da arte sobre o protagonismo do trabalhador, a diversidade de ofícios que são vocações do município e a relevância na contemporaneidade em registrar a memória social e as identidades.

Outra retratada foi a trabalhadora do comércio no entorno do Convento da Penha, Rosângela Maria Barcelos, 54 anos. “Trabalho há 20 anos aqui, é muito gratificante trabalhar diretamente com os devotos e turistas. Me sinto privilegiada em trocar com as pessoas, trabalho num ambiente tranquilo aos pés do portal de Nossa Senhora da Penha. Enquanto as outras pessoas estão de folga, estamos aqui trabalhando aos domingos e feriados. Vou curtir muito representar todo mundo que trabalha aqui nos arredores do Convento”.

Linda Morais, coordenadora do Sindialimentação que organizou a exposição com apoio da Prefeitura de Vila Velha, enfatizou que: “Uma exposição com foco no trabalhador e a memória social do trabalho de Vila Velha é emblemático. A proposta é que esta exposição seja itinerante e percorra e ocupe outros espaços. A fotografia tem este poder de espalhar a mensagem de forma visual, de impactar as pessoas e promover a reflexão em pleno 23 de maio, aqui na Prainha, onde começou o Espírito Santo”.

A exposição “Mãos que constroem Vila Velha” faz parte da programação do dia 23 de maio, Dia da Colonização do Solo Espírito-Santense. O secretário de Cultura e Turismo, Roberto Patrício Junior, ressaltou a importância da mostra para a valorização do trabalhador. “Esta exposição é um reconhecimento do papel fundamental dos trabalhadores na construção de nossa cidade. Através das lentes de Felipe Amarelo, podemos celebrar e preservar a memória daqueles que dedicam suas vidas a diferentes ofícios, contribuindo para a riqueza cultural do município. A exposição não só destaca esses trabalhadores, mas também fortalece nossa identidade e história coletiva”.

Serviço

Exposição Fotográfica – Mãos que constroem Vila Velha
– Quinta-feira (23) a domingo (26), 14h às 20h
– Local: Casa Amarela da Prainha – Rua Bernardo Schineider, Prainha, Vila Velha
– Classificação livre
– Entrada gratuita

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape