ads-geral-topo
Turismo

Turismo na Pérola Sul Capixaba: o que fazer em dois dias em Marataízes?

Marataízes é conhecida como a Pérola Sul Capixaba, por conta de sua famosa produção de abacaxi-pérola, que a torna renomada em todo o território nacional

Por Redação

em 10 de nov de 2023, às 14h15

10 mins de leitura

Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Cidade de encantos, de belezas naturais, que atraem visitantes durante todo o ano, e terra do abacaxi mais ‘doce, doce, doce…’, Conhecida como a Pérola Sul Capixaba, Marataízes se destaca no Sul do Espírito Santo por sua história e por seu papel fundamental no turismo da região. Os muitos atrativos são um convite para um fim de semana no balneário. Mas, o que fazer em dois dias em Marataízes?

As opções são muitas e variadas! O município tem uma população de 41.929 habitantes, sendo 78% de habitantes na área urbana e 22% de habitantes na área rural. Na temporada de verão, a população chega a dobrar em quantidade, mostrando a força turística do município.

Marataízes ficou conhecida como a Pérola Sul Capixaba, por conta de sua famosa produção de abacaxi-pérola, que a torna renomada em todo o território nacional. Quem nunca ouviu: “Doce, doce, doce igual ao mel é o abacaxi de Marataízes!”, passando pelas ruas de várias cidades? A frase foi imortalizada pelo jingle usado por praticamente todos os vendedores da fruta, que viajam por todo o país.

O município também possui potencial turístico puxado por suas belas praias e lagoas. São cerca de 26 quilômetros de litoral, com uma das mais belas praias do Estado: a Praia de Boa Vista, rodeada por falésias e lagunas. Destaque também para a famosa Lagoa do Siri, que se separa do mar por apenas uma pequena faixa de areia e recebe milhares de turistas na temporada de verão.

“Água que corre para o mar”

Barcos atracados no Porto da Barra, em Marataízes, a Pérola Sul Capixaba
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Acredita-se que o nome Marataízes tem como origem a língua tupi-guarani, que significa “água que corre para o mar”, graças à grande quantidade de lagoas que vão de encontro ao mar.

São diversas as lendas indígenas, como a da índia Ísis, que ao morrer provocou uma euforia e tristeza na tribo, fazendo com que os demais índios gritassem a frase “Mataram Ísis”. Tem também a lenda da índia Taís, que teria recebido como presente de seu pai, chefe da tribo, a praia que habitava, daí, “Mar Taís”.

Outra versão é de que o nome se origina de uma função da linguagem e da religião utilizada pelos negros que habitavam o município tinham como dialeto a língua “marata”, das tribos africanas “bantos”, e que veneravam a deusa Ísis, protetora das famílias.

Marataízes partilha sua origem histórica com o município de Itapemirim. A emancipação ocorreu em 14 de janeiro de 1992.

Importância histórica no Brasil

Marataízes é cidade natal do herói capixaba e líder na Revolução Pernambucana, Domingos José Martins, que em 1817 já pretendia a Independência do Brasil.

Domingos José Martins nasceu em 9 de maio de 1781, em Caxangá, localidade do então município de Itapemirim, região que hoje compreende uma área entre a Praia dos Cações e Boa Vista, ao Sul de Marataízes.

O herói capixaba representa para o Espírito Santo o que Tiradentes representa para Minas Gerais. Viveu na Europa e ao retornar ao Brasil incorporou-se às lutas ela independência de Portugal. Em 1817 foi preso em Recife, onde acabou sendo condenado à morte. Morreu fuzilado em 12 de junho de 1817, na Bahia.

Destaque na gastronomia

Festival Gastronômico na Lagoa do Siri, em Marataízes
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Os sabores de Marataízes encantam a todos os paladares. Entre quiosques, bares e restaurantes, a cidade conta com cerca de 90 estabelecimentos. Pela proximidade com o mar, os pratos mais pedidos são: a torta capixaba, peroá frita e moqueca capixaba, além de pratos com camarão, lagosta, lula e polvo.

A Pérola Sul Capixaba também conta com restaurantes e petiscarias mais tradicionais, agradando a todo o público.

Item de grande importância comercial e gastronômica para Marataízes, a lagosta é destaque na gastronomia. O município possui uma frota pesqueira de 92 embarcações permissionadas, exclusivas, para a captura desse crustáceo, e as principais espécies existentes na região são a Lagosta Vermelha, Lagosta Sapateira e Lagosta Verde.

Além do famoso abacaxi, A Pérola Sul Capixaba também é muito forte na produção de mandioca e cana-de-açúcar. Além disso, muitos produtores estão procurando diversificar a produção, sobretudo com novas espécies frutíferas. Umas delas é pitaya.

Em breve a Prefeitura de Marataízes irá estruturar passeios com turistas para conhecer nossa região produtora, com degustação das delícias produzidas com a fruta.

O que fazer em dois dias em Marataízes?

Uma das ilhas de Marataízes, a Pérola Sul Capixaba
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

As opções são muitas e variadas. Além de belezas naturais de tirar o fôlego, a Pérola Sul Capixaba também conta com a diversificação do artesanato, que é vasta, partindo desde crochê, biscuit, conchas e até mesmo escama de peixes, que encantam os turistas.

Passar um fim de semana no município pode ser pouco para visitar e conhecer tantos pontos turísticos. Então, vale fazer um roteiro e aproveitar a estadia na cidade. E o que fazer em dois dias em Marataízes? Confira os principais atrativos:

Falésias

Uma das principais atrações turísticas da Pérola Sul Capixaba e se estendendo da Lagoa do Siri até Boa Vista do Sul, as falésias de Marataízes são famosas e um dos locais mais procurados na temporada de verão.

As falésias são formações geológicas moldadas pela força do mar e dos ventos por milhares de anos. Na região, que conta com fácil acesso via Rodovia do Sol (ES-060), ficam algumas das mais belas praias de Marataízes, como: a Praia das Pitas, Praia da Rosa, Praia de Cações, Praia das Falésias e Praia do Missinho.

Os paredões têm mais de 40 metros de altura e mirantes naturais que dão o charme ao local, que é o preferido para quem tirar fotos de tirar o fôlego.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Praia central

É um dos grandes cartões portais da cidade e quem transita pela Praia Central da Pérola Sul Capixaba já percebe as modificações que a obra de reurbanização apresenta no local.

Considerada a obra do século, dividida em quatro etapas e com três delas já concluídas, contando com uma pista dupla, playground, skate parque, quadra de futebol de areia, vôlei de praia, academia popular e ciclovia, o município vive um momento de muitas expectativas no cenário turístico e econômico.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Lagoa do Siri

Essa é uma das principais atrações do extremo Sul do Espírito Santo, localizada a 9 km da sede do município.

Isolada urbano, a Lagoa do centro do Siri é uma deliciosa opção para passar o dia com a família, com uma boa infraestrutura de restaurantes e quiosques ao redor.

Além disso, possui um paradisíaco e cenário é uma importante área de desova de peixes e crustáceos, berçário para espécies marinhas.

Praia da Rosa

Localizada ao sul do Centro de Marataízes, a Praia das Rosas é uma pequena enseada, cercada de muito verde em toda a sua extensão. É bem tranquila e ideal para crianças e idosos.

É o refúgio ideal para quem está em busca de tranquilidade! Fica entre a Praia das Pitas e a Praia dos Cações. Em alguns pontos existem alguns corais e ali se formam piscinas naturais.

Lagoa da Boa Vista do Sul, um dos atrativos de Marataízes, a Pérola Sul Capixaba
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Lagoa Boa Vista do Sul

Quase na divisa com o município de Presidente Kennedy, é uma das maiores lagoas do município, localizada no bairro histórico de Boa Vista do Sul, onde nasceu Domingos José Martins, grande herói da pátria.

Com quiosques e uma bela paisagem, o manancial é separado da praia por uma larga faixa de areia e recebe muitos turistas no verão e nos fins de semana.

Morro da Palha

Para quem gosta de lugares altos, o Morro da Palha é uma ótima opção. Localizado no bairro de Canaã, é o ponto mais alto da cidade. De lá é possível ter um visual incrível, contemplando grande parte do município.

O lugar é ideal também para desfrutar de um dos mais belos pores do sol e ter um momento de reflexão e calmaria, mais afastado da correria da cidade.

Ruínas do trapiche, no Porto da Barra, em Marataízes
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Trapiche

Localizado no Porto da Barra de Itapemirim, o trapiche foi um grande marco da navegação fluvial do Estado.

Construído pelo Barão de Itapemirim, por volta de 1860, com a finalidade de armazenar a produção agrícola destinada, principalmente, para o Rio de Janeiro e Salvador.

Com a chegada da ferrovia e das estradas de rodagem o Porto da Barra foi ficando cada vez mais em desuso, até ser desativado definitivamente.

Está em execução atualmente a primeira parte do projeto para salvaguarda das paredes e revitalização do local, que deverá ser transformado num parque turístico.

Palácio das Águias em Marataízes
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Palácio das Águias

Construído no Século XIX e importante monumento histórico de Marataízes, o Palácio das Águias recebeu esse nome devido às estátuas de duas águias que foram colocadas em seu telhado, em homenagem de Simão Rodrigues Soares, negociante que adquiriu a mansão em 1903.

O casarão passou por restauração há alguns anos e manteve seus principais aspectos arquitetônicos.

Tombado em 1998 com o velho Trapiche, o Palácio das Águias, patrimônio cultural do Espírito Santo, abriga a Biblioteca Municipal Nobertino Bahiense e é palco de várias manifestações culturais.

Igreja Nossa Senhora dos Navegantes atrai turistas para a cidade, a Pérola Sul Capixaba
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Igreja Nossa Senhora dos Navegantes

Edificada a partir de 1872, na Barra de Itapemirim, a igreja Nossa Senhora dos Navegantes, é uma das mais antigas de Marataízes. Seus altares neogóticos são de rara beleza.

Nela acontece sempre em 2 de fevereiro a Festa de Nossa Senhora dos Navegantes, cum uma bela procissão fluvial pelo rio Itapemirim.

Quem visita o templo se impressiona com os detalhes contidos nas imagens sacras e com a bela pintura do teto da igreja, que mostra a importância da padroeira na vida dos pescadores.

Igreja Nossa Senhora da Penha, na Praia Central
Foto: Divulgação/Prefeitura de Marataízes

Igreja Nossa Senhora da Penha

Construída em 1926 sobre um lajeado à beira do Oceano, a Igreja Nossa Senhora da Penha, até 1982 era uma pequena capela e, então passou por ampliação e se mantém conservada até hoje.

Nossa Senhora da Penha, além de ser padroeira do Espírito Santo, é também padroeira do município litorâneo. A comemoração em sua homenagem acontece na 2ª segunda-feira após a Semana Santa.

Como chegar?

Para quem sai de Cachoeiro de Itapemirim, o trajeto até Marataízes é pela Rodovia ES 490, em um percurso de 45,3 km, que é feito mais ou menos em 50 minutos.

Já para quem sai de Vitória, o trajeto é pela BR-101, em um percurso de 120,5 km, que é feito em mais ou menos 2h12.

Onde ficar?

Camping do Siri

  • Telefone: (28) 3532-8119
  • @campingdosiri

Camping do Xodó

  • Telefone: (28) 3532-2384

Casa do Pescador

  • Telefone: (28) 99881-8835
  • @casadopescador.hostel

Hospedaria Rosa dos Ventos

  • Telefones: (27)99982-5434/(27)99914-7004
  • @hospedariarosadosventos

Hotel Petrina

  • Telefones: (28) 3532-3447/ (28) 99916-8363/ (28) 99977-6081

Nila’s Pousada

  • Telefones: (28)3532-4185/(28)99985-9654/(28)999462586
  • @nilaspousada

Pousada dos Gravatais

  • Telefone: (28) 3532-4274/(28) 99959-9640
  • @pousadagravatais

Pousada Chega Mais

  • Telefones: (28) 3532-1775/(28) 99955-4506

Pousada Miramar

  • Telefones: (28) 3532-2419/(28) 99921-0855
  • @pousadamiramar_

Pousada Portal da Barra

  • Telefone: (28) 3532-2611
  • @pousadaportaldabarra

Pousada Refugio da Praia

  • Telefone: (28) 99935-7054
  • Contato: @refugio_da_praia

Praia Hotel

  • Telefone: (28) 99906-7333

Saveiros Palace Hotel

  • Telefone: (28)3532-1413
  • @saveiroshoteles

Pousada Vista Oceânica

  • Telefone: (28) 3532-4268

Hotel Art Final

  • Telefone: (28) 3532-2481
  • @hotelartfinal

Pousada Garfield

  • Telefone: (28)99903-5180
  • @pousadagarfieldmarataizes

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape