ads-geral-topo
Esportes

Cruzeiro vence o Atlético-GO em Goiânia e se aproxima dos líderes do Brasileirão

Com 10 pontos, saltou para a parte superior da tabela. Com apenas um ponto em cinco jogos, o time goiano ocupa a penúltima posição

Por Estadão

3 mins de leitura

em 13 de maio de 2024, às 08h36

Foto: Staff Images/Cruzeiro

Não foi aquela grande atuação que o torcedor gostaria de ver, mas o Cruzeiro fez o suficiente para vencer por 1 a 0 o Atlético-GO, neste domingo (12), no estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO), pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Com 10 pontos, saltou para a parte superior da tabela. Com apenas um ponto em cinco jogos, o time goiano ocupa a penúltima posição.

Atuando em casa e precisando “mostrar serviço” à sua torcida, o Atlético-GO iniciou o jogo bastante ativo, tentando fazer uma meia pressão na saída de bola do Cruzeiro.

A melhor chance foi cruzeirense, aos 26 minutos. Após escanteio, o zagueiro Zé Ivaldo cabeceou de cima para baixo e o defensor Alix Vinícius salvou, também de cabeça, quase em cima da linha. No minuto seguinte, Arthur Gomes até marcou e levantou a torcida mineira, porém, o lance foi rapidamente anulado por impedimento.

No segundo tempo, muita movimentação e poucas finalizações. Chamou atenção, pela plasticidade, a bicicleta de Alix Vinícius da meia lua da grande área e que quase resultou em gol atleticano não fosse a defesa no alto de Anderson.

O gol da vitória saiu aos 35 minutos graças à qualidade técnica do meia Matheus Pereira. Ele recebeu a bola de costas na linha da grande área, virou rápido e bateu de esquerda. A bola entrou no canto direito do goleiro Ronaldo.

Pouco depois, o técnico Jair Ventura, enfim, atendeu o pedido da torcida e colocou o artilheiro Vagner Love em campo no lugar do volante Lucas Kal, numa troca do estilo tudo ou nada. O time criou duas boas chances nos acréscimos, mas não evitou a derrota.

Pelo Brasileirão, na sétima rodada, o Atlético-GO vai enfrentar o Vitória no próximo sábado (18), em Salvador, a partir das 16 horas. O Cruzeiro só atua no dia 20 (segunda-feira) diante do São Paulo, no Morumbi, a partir das 20 horas.

Mas antes, na quinta-feira (16), vai receber no Mineirão o União La Calera-CHI, na briga direta pela segunda posição do Grupo B, liderado pelo Universidad Quito-EQU, com 10, seguido pelo Cruzeiro, 6, La Calera, 4 e Alianza Petrolera-COL, um.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 0 X 1 CRUZEIRO

ATLÉTICO-GO – Ronaldo; Bruno Tubarão, Adriano Martins, Alix Vinícius e Guilherme Romão; Lucas Kal (Vagner Love), Baralhas e Saylon (Danielzinho); Gabriel Barros (Yone González), Luiz Fernando e Derek (Emiliano Rodriguez). Técnico: Jair Ventura.

CRUZEIRO – Anderson; William, Zé Ivaldo, João Marcelo e Marlon; Lucas Romero, Lucas Silva (Ramiro) e Matheus Pereira (Cifuentes); Barreal (Vitinho), Rafa Silva (Rafael Elias) e Arthur Gomes (Gabriel Veron). Técnico: Fernando Seabra.

GOL – Matheus Pereira, aos 35 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Luiz Fernando (Atlético-GO). Matheus Pereira e William (Cruzeiro).

ÁRBITRO – Rodrigo José Pereira de Lima (FIFA-PE)

RENDA – R$183.485,00

PÚBLICO – 6.462 pagantes (7.576 total)

LOCAL – Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Estadao Conteudo

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape