ads-geral-topo
Esportes

Mano admite mudança no Fluminense para tirar time da lanterna

Sem querer detalhar as alterações, Mano deixou claro que a característica de tocar a bola dentro de sua própria área vai deixar de ser uma obrigatoriedade

Por Estadão

2 mins de leitura

em 03 de jul de 2024, às 15h14

Foto: Marcelo Gonçalves/FFC

Contratado para tirar o Fluminense da lanterna do Campeonato Brasileiro, o técnico Mano Menezes concedeu, nesta quarta-feira (3), a sua primeira entrevista como treinador do clube carioca. Contudo, no seu discurso, ele admitiu fazer alterações no esquema adotado pelo antecessor Fernando Diniz.

“O jeito do Fernando Diniz é único. Logicamente terá mudanças, mas não vai ter uma ruptura da noite para o dia. Dois anos de um estilo é muito tempo e fica na cabeça dos jogadores. No futebol as coisas não duram para sempre. O que eu pensava no ano passado, não é o que eu penso neste ano. Os comportamentos também mudam. Com pequenos ajustes, vamos fazer essa transição de modo seguro, paulatinamente”, afirmou o comandante.

Leia também: Copa América: datas do mata-mata, horários e onde assistir às quartas de final

No entanto, neste início de trabalho, o novo comandante afirmou que a prioridade é devolver a confiança para o grupo. Aliás, o Fluminense não vence há dez jogos. Sendo assim, em 13 rodadas, o time carioca obteve apenas uma vitória.

“A prioridade é fazer o resultado. Isso acelera a transformação de uma equipe. Se a vitória aparece logo, os jogadores se sentem mais seguros. Tem muita coisa boa do esquema do Diniz que a gente vai manter: é o time que melhor toca a bola em espaço reduzido. Vamos aproveitar isso”, comentou.

Mano no Fluminense

Sem querer detalhar as alterações, Mano deixou claro que a característica de tocar a bola dentro de sua própria área vai deixar de ser uma obrigatoriedade. “Não vamos trazer tantos jogadores para a defesa como o Diniz fazia. Vamos jogar um pouquinho mais direto. Ambição para chegar à frente mais rápido a fim de pegar a defesa do rival desorganizada”, disse.

Por fim, ao ser questionado sobre o fato de o elenco ter vários jogadores com a idade avançada, o técnico considerou essa peculiaridade um fator positivo. “O elenco é muito qualificado. Temos jogadores vencedores e experientes e neste momento de dificuldade extrema, a experiência é importante. Nessa hora, ter esse conhecimento para estabilizar a situação é muito importante”, comentou.

O Fluminense vai a campo nesta quinta-feira (4), e enfrenta o Internacional no Maracanã. Mano Menezes define a equipe que vai a campo no treinamento desta tarde. Na classificação, o clube contabiliza apenas seis pontos.

Estadao Conteudo

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape