ads-geral-topo

Lei Geral de Proteção de Dados

A Aeronáutica não pode revelar os valores (que são centenas de milhões, segundo fontes do setor) devidos pelas companhias aéreas com taxas de serviços

3 mins de leitura

em 29 de fev de 2024, às 10h10

Charge: @izanio_charges

Por Leandro Mazzini

Com Walmor Parente, Carol Purificação e Isabele Mendes

Reis do Crime livres

A operação Rei do Crime, deflagrada pela PF em setembro de 2020, foi totalmente anulada. Prendeu os cabeças da lavagem de dinheiro do PCC em postos de gasolina e distribuidoras de combustível. Mas foi anulada por motivo curioso: o delator morreu no decorrer das investigações. Porém, mesmo depois de vastas provas contra os integrantes da suposta quadrilha, eles seguem soltos crescendo suas operações no mercado. Uma pequena amostra do poderio desse bando: mais de 20 laranjas do setor de combustíveis bancados pela facção foram descobertos, e até um dos condenados pelo assalto ao BC em Fortaleza em 2005 era alvo. A Justiça bloqueou R$ 730 milhões em bens, entre os quais dois helicópteros, um iate e dezenas de guinchos. Agora, estão impunes e livres para operar – e pobre do cidadão que não sabe que financia o PCC. O bando agora vende naftas importadas misturadas com gasolina para postos no Estado de São Paulo.

MayDay!!

A Aeronáutica não pode revelar os valores (que são centenas de milhões, segundo fontes do setor) devidos pelas companhias aéreas com taxas de serviços de aeronavegabilidade prestados pelo Comando Aéreo nos aeroportos. Nem através da Lei de Acesso à Informação, à qual a Coluna recorreu. A assessoria da Aeronáutica alegou que as informações são protegidas pela Lei Geral de Proteção de Dados…

Rui coringa

Há 16 dias à frente da articulação política, o ministro Rui Costa (Casa Civil) se cacifa para ficar como principal interlocutor do Governo com parlamentares.  Ganhou pontos e até elogios do presidente Lula da Silva e de colegas após amansar o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e acalmar deputados sedentos por emendas. Mas o ministro não esconde que está sobrecarregado com atribuições da articulação.

A volta da máfia

Denunciado pela CPI das Próteses da Câmara, o empresário Orlandir Cardoso reapareceu em rede nacional denunciando um concorrente, mediante seu principal executivo Frederico Bispo. Os dois são ligados à empresa Síntese. Resultado: a Síntese ganhou contrato e passou a cuidar do setor de próteses da prefeitura de Cuiabá, cujo prefeito, Emanuel Pinheiro, foi flagrado em filmagem colocando dinheiro no paletó.

PP no Rio

O PP do Rio oficializou a pré-candidatura do deputado federal Marcelo Queiroz à Prefeitura da capital.  Ele foi confirmado em café da manhã em Brasília com os presidentes nacional e regional da legenda, senador Ciro Nogueira (PI) e deputado federal Prof. Luisinho, respectivamente. As tentativas do prefeito Eduardo Paes (PSD) para conquistar o apoio do PP para a sua reeleição não tiveram resultado.

Operação MST

A Polícia Legislativa da Câmara compareceu em peso à sessão em homenagem aos 40 anos do MST. Agentes se posicionaram entre as fileiras no plenário e foram orientados a filmar integrantes do movimento e discursos. O tempo ameaçou fechar quando deputados da oposição ocuparam a tribuna. Apesar das palavras de baixo calão, a sessão terminou sem registro de ocorrências.

ESPLANADEIRA

# Carioca Engenharia acaba de completar 77 anos. # MedQuímica apresenta novas embalagens. # FGTS Digital entra em vigor em 1º de março. # CNseg mostra crescimento de 2,5% no pagamento de indenizações. # Fashion Mall promove campanha de doação de itens de higiene pessoal. # EdifyEducation participa do SXSW EDU em Austin, Texas, EUA. # Mario Marques abre filial da agência de marketing político LabPop em Londrina (PR).

As informações/opiniões aqui escritas são de cunho pessoal e não necessariamente refletem os posicionamentos do AQUINOTICIAS.COM

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape