ads-geral-topo

Queda nos índices de aprovação

A queda nos índices de aprovação do presidente Lula da Silva pode se acentuar nos próximos meses e comprometer o projeto de reeleição em 2026

3 mins de leitura

em 29 de mar de 2024, às 11h15

Charge: @izanio_charges

Por Leandro Mazzini

Com Walmor Parente, Carol Purificação, Isabele Mendes e Luiza Melo

Condicionante

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), corre o risco de não ter o apoio de aliados para emplacar seu sucessor.  A chiadeira é geral, principalmente por Lira não apoiar e colocar em tramitação propostas para que buscas e ações judiciais contra congressistas só possam ocorrer após o aval da Mesa Diretora da Câmara ou do Senado. A Polícia Federal fez, neste ano, buscas nos gabinetes de Alexandre Ramagem e Carlos Jordy, ambos do PL do Rio de Janeiro, e prendeu o deputado Chiquinho Brazão (União-RJ), no domingo, 24. Além do risco de perda de apoio, o deputado Elmar Nascimento (BA), líder do União Brasil, candidato de Lira, não é um nome de consenso entre várias lideranças do Centrão na Câmara.

Ameaça de revés

A queda nos índices de aprovação do presidente Lula da Silva pode se acentuar nos próximos meses e comprometer o projeto de reeleição em 2026. O alerta – de assessores próximos e caciques do PT – circula entre gabinetes do Palácio do Planalto.  A hipótese de revés abre espaço para o Plano B eleitoral com Fernando Haddad, cacifado, por enquanto, pelo mercado financeiro.

Anfitrião no Planalto

Dois meses antes de oferecer hospedagem ao ex-presidente Jair Bolsonaro, o embaixador da Hungria, Miklos Halmai, esteve com o presidente Lula da Silva no Palácio do Planalto.  Participaram de audiência de entrega de cartas credenciais, conversaram acompanhados da Secretária Geral do Itamaraty, embaixadora Maria Laura da Rocha, e depois tiraram fotos – sorridentes.

Vai na fé

O coach e influencer Pablo Marçal, que colocou em risco um grupo grande de seguidores e deu trabalho aos bombeiros no resgate, se filiou ao Partido Democracia Cristã (DC) e pretende disputar a Prefeitura de São Paulo. Nas últimas eleições, o Tribunal Superior Eleitoral barrou a candidatura dele à Presidência.

Punidos

O PSB e o PP foram os partidos mais punidos por não cumprimento da cota de gênero nas eleições de 2020. Conforme levantamento da Coluna, as irregularidades ocorreram em Quixadá (CE), Canindé de São Francisco (SE), Tururu (CE), Mossoró (RN), Laranjeiras (BA) e São Miguel dos Campos (AL), Itiruçu (BA), Iguaba Grande (RJ), Gilbués (PI), Porto Real do Colégio (AL) e Andradina (SP). Uma das sanções aplicadas foi inelegibilidade das pessoas envolvidas na fraude.

Jeitinho

O Grupo Parlamentar Brasil-França do Senado, instituído há quatro anos com a finalidade de incentivar e desenvolver as relações bilaterais entre os dois países, não havia sido instalado e nem se reunido até ontem, quando realizou o primeiro encontro por conta da visita do presidente da França, Emmanuel Macron. 

ESPLANADEIRA

# Itaú Social lança curso para ensinar matemática. # Infis Consultoria organiza o Seminário de Tributação em Óleo & Gás para discutir os impactos da reforma tributária. # Subsea7 registra receita de US$ 6 bilhões em 2023. # ANP assina carta de intenções com órgão regulador da França. # Padre Kelmon lança livro “Fé e Política”, na Livraria Drummond (SP), 26. # ABRAS apontou crescimento de 1,47% de consumo nos lares brasileiros.

As informações/opiniões aqui escritas são de cunho pessoal e não necessariamente refletem os posicionamentos do AQUINOTICIAS.COM

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape