ads-geral-topo
Política

Vereador de Guaçuí denuncia uso irregular de veículo por servidor

Julinho Tererê apresentou um vídeo que mostra a utilização do veículo da Secretaria de Obras, fora da hora de serviço e para assuntos pessoais

Por Redação

2 mins de leitura

em 08 de ago de 2023, às 15h05

Foto Reprodução

Dizendo que foi eleito para fiscalizar e que não está vigiando ninguém, o vereador de Guaçuí, Julinho Tererê, apresentou uma denúncia de improbidade administrativa. A denúncia foi feita da tribuna da Câmara Municipal, na noite desta segunda-feira (7), e trata-se de um vídeo que mostra o uso irregular de um veículo da Secretaria Municipal de Obras, por um servidor, fora da hora de serviço e para assuntos pessoais.

Tererê apresentou um vídeo que mostra uma picape da Secretaria em uma rua do distrito de Celina, em Alegre, de madrugada. O vídeo foi feito pelo próprio vereador. “Depois de cinco madrugadas e de receber várias denúncias, confirmei que o servidor utilizava o carro da Prefeitura para levar a esposa até seu trabalho em Celina”, contou.

O vereador contou que a denúncia do uso irregular do veículo também foi apresentada ao Ministério Público (MP), à Procuradoria Geral do Município e ao próprio prefeito, Marcos Jauhar. Ressaltando que já existe um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) do município com o MP que, de acordo com Julinho Tererê, proíbe essa prática de servidores utilizando veículos e máquinas da Prefeitura fora do horário de serviço.

Denúncia de uso irregular rendeu boletim de ocorrência

Além disso, o vereador revelou que, com o apoio da Procuradoria, precisou registrar um Boletim de Ocorrência (BO), na Delegacia de Polícia Civil, devido a uma ameaça de morte que teria sido feita pelo servidor contra sua pessoa. “Ele me ameaçou de morte”, disse. “Mas vou cumprir o meu papel de vereador, porque o veículo é um patrimônio público e utilizar para isso é crime, a lei é clara”, completou.

A reportagem do portal Aqui Notícias procurou a Prefeitura de Guaçuí, para se posicionar sobre a denúncia feita pelo vereador Julinho Tererê. Em nota, a administração municipal afirma que “a Prefeitura de Guaçuí recebeu a denúncia formalmente, no dia 8 de agosto, e, a partir de agora, irá começar a averiguar os fatos”.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape