ads-geral-topo
Política

Aquaviário: deputados visitam estação de Cariacica

Visita técnica da Comissão de Infraestrutura teve a presença do secretário estadual Fábio Damasceno, que anunciou entrega do sistema de transporte no fim de junho

Por Redação

3 mins de leitura

em 16 de maio de 2023, às 13h42

Foto: JV Andrade

Deputados visitaram, na manhã desta terça-feira (16), a estação de embarque e desembarque do novo Aquaviário situada em Porto de Santana, no município de Cariacica. A visita técnica da Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) teve a presença do secretário estadual de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno, que informou que o sistema de transporte deve ser entregue à população no fim de junho. 

Os parlamentares conheceram também um dos barcos que farão a travessia pela baía de Vitória. A estação de Porto de Santana aguarda apenas a instalação de catracas e câmeras de segurança. No total serão três terminais: o da Praça do Papa, em Vitória, e o da Prainha, em Vila Velha, ainda estão com obras em andamento. O governo ainda estuda construir, posteriormente, uma quarta estação de embarque e desembarque na no centro de Vitória. 

Integração

Inicialmente, o Aquaviário vai funcionar com três embarcações e atender cerca de cinco mil passageiros por dia. A tarifa será a mesma do Sistema Transcol, hoje no valor de R$ 4,50. De acordo com o governo, os modais de transporte serão integrados por meio de conexões temporais. Assim, o usuário poderá realizar o trajeto de ônibus e de barco, dentro do período de uma hora e meia, pagando apenas uma passagem. Para isso, será usado o CartãoGV já utilizado nos ônibus do Transcol.

“O aquaviário vai estar todo integrado ao Transcol, de forma que seja complementar ao sistema de transporte público. É mais uma opção de mobilidade para a população. Quem quiser usar os sistemas integrados vai ter uma redução no tempo de jornada. Por exemplo, vai levar cinco minutos de Vitória até a Prainha”, comentou o secretário Fábio Damasceno. 

Barco

O barco do aquaviário tem capacidade para 98 passageiros e dois tripulantes. É acessível a pessoas com deficiência e está equipado com ar-condicionado, banheiro, espaço para bicicletas, wi-fi e coletes salva-vidas. 

O governo do Estado aplicou mais de R$ 4 milhões para implantação do novo modal de transporte, segundo a Secretaria de Estado de Mobilidade e infraestrutura (Semobi). A entrega, inicialmente prevista para março de 2023, foi adiada para o final de junho, quando deve ser concluída a estação de embarque e desembarque da Prainha, em Vila Velha. 

Para o presidente da Comissão de Infraestrutura, deputado Alexandre Xambinho (PSC), o novo sistema de transporte pode favorecer o turismo na Grande Vitória, além de melhorar a mobilidade urbana.

“Em breve será entregue evolução, desenvolvimento e mobilidade urbana para a população capixaba. Além disso, o Aquaviário tem um potencial turístico muito grande. A experiência de viajar de barco é atrativa e no trajeto temos a contemplação da baía de Vitória, que é de grande beleza, com vista para a Convento da Penha, Terceira Ponte e o Morro do Penedo.”, pontuou. 

A visita técnica da Comissão de Infraestrutura contou ainda com a presença dos deputados João Coser (PT), vice-presidente do colegiado, e Gandini (Cidadania), além da vereadora de Vitória Karla Coser (PT).

A Região Metropolitana de Vitória já contou com sistema de transporte aquaviário. O serviço funcionou de 1978 até o final da década de 1990, quando foi desativado.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape