ads-geral-topo
Cidades

Vítimas: força-tarefa chega em Mimoso e Apiacá nesta quarta (3)

A estrutura será montada no Centro das cidades

Por Redação

3 mins de leitura

em 02 de abr de 2024, às 18h14

Foto: Divulgação/Governo do ES

O Governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo do Estado (Aderes), chega nos municípios de Mimoso do Sul e Apiacá, na região sul do Estado, com uma força-tarefa para realizar o atendimento às vítimas das fortes chuvas que devastaram essas cidades.

Leia também: Incaper marca presença na ExpoSul para apresentar técnicas agrícolas

A estrutura será montada no Centro das cidades, sendo que, em Mimoso do Sul, ficará na praça Coronel Paiva Gonçalves, atrás dos Correios. Em Apiacá, ficará ao lado da prefeitura. O atendimento será das 9 horas às 17 horas.

Entre os serviços ofertados está a nova linha de financiamento do Nossocrédito Emergencial Enchentes, uma parceria com o Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes), que vai liberar até R$ 21 mil, com 12 meses de carência, ou seja, para iniciar o pagamento, mais 36 meses para pagar as parcelas, totalizando 48 meses para quitar o débito.

O projeto de lei que trata dessa Linha Emergencial foi encaminhado para a aprovação na Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo (Ales). Isso vai assegurar que o Governo possa oferecer crédito com custo zero para o empreendedor, o que vai contribuir para que ele possa reestruturar o negócio que foi destruído ou quase destruído pelas chuvas.

Outros serviços também serão disponibilizados, como o atendimento do Cartão Reconstrução, atendimento da Defesa Civil, do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) e do Serviço de Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-ES).

O diretor-geral da Aderes, Alberto Farias Gavini Filho, ressaltou que a força-tarefa estará disponível para realizar o atendimento às vítimas das chuvas nas estruturas instaladas nas cidades de Mimoso do Sul e Apiacá até sexta-feira (05). No entanto, o período de atendimento no local vai depender da demanda, podendo ser prorrogado. Posteriormente, o atendimento continua nas agências do Programa Nossocrédito dos municípios, ou ainda, por meio do endereço eletrônico www.aderes.es.gov.br.

“Todos os empreendedores que foram afetados pelas chuvas, sejam os formais ou informais, vão ter acesso a um crédito sem cobrança de taxa de juros e qualquer tipo de tarifa ou outras despesas com a operação. Outro benefício ofertado será a prorrogação do pagamento, pelo prazo de seis meses, de financiamentos vigentes do Programa Nossocrédito. Além disso, outras demandas da população também serão atendidas, pois a força-tarefa foi montada em conjunto com outras secretarias do Governo e outras instituições para que possamos ampliar a oferta de atendimento as vítimas”, afirmou Gavini Filho.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape