ads-geral-topo
Segurança

Quadrilha de Marataízes vira alvo de operação da Polícia Federal

Equipes com cerca de 20 policiais federais cumpriram quatro mandados de busca e apreensão nas residências dos investigados

Por Redação

em 23 de nov de 2023, às 15h32

1 min de leitura

Foto: Reprodução | PF

A Delegacia de Polícia Federal (PF) em Cachoeiro de Itapemirim/ES deflagrou na manhã desta quinta-feira (23) uma operação policial com objetivo de desarticular associação criminosa envolvida em fraudes ao auxílio emergencial, benefício instituído pelo Governo Federal durante a pandemia de Covid-19.

Equipes com cerca de 20 policiais federais cumpriram quatro mandados de busca e apreensão nas residências dos investigados, situadas nos municípios de Marataízes/ES, Sete Lagoas/MG e Montes Claros/MG, bem como foi implementada ordem judicial de bloqueio de valores das contas bancárias dos alvos no montante do prejuízo constatado.

No curso da investigação verificou-se que a associação criminosa conseguia acesso às contas dos auxílios emergenciais de beneficiários legítimos e desviava todo o saldo em proveito do grupo criminoso, seja através de saques, pagamentos de boletos, transferências ou compras.

As ações de hoje concentram esforços na busca de possíveis novas fraudes ainda não identificadas, além da descapitalização dos investigados, que responderão pelos crimes de associação criminosa (art. 288 do Código Penal) e furto mediante fraude (art. 155, §4°, II do Código Penal).

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape