ads-geral-topo
Política

Turismo capixaba: entidades discutem estratégias para fortalecer o setor

O objetivo é reunir os principais representantes do setor do turismo para discutir formas de fortalecer a atividade no Estado.

Por Redação

em 23 de nov de 2023, às 09h22

2 mins de leitura

Foto: PMCI

A importância do turismo para o desenvolvimento do país e do Espírito Santo no pós-reforma tributária será o tema da audiência pública realizada pelo deputado estadual João Coser (PT) na próxima sexta-feira (24), na Assembleia Legislativa. O objetivo é reunir os principais representantes do setor do turismo para discutir formas de fortalecer a atividade no Estado.

Entre os convidados estão representantes dos governos estadual e municipais, de entidades como o Conselho Estadual de Turismo, o Sebrae-ES, a Fecomércio, o Espírito Santo Convention & Visitors Bureau, e empresariais, como a Booking. A audiência conta com o apoio da Comissão de Turismo e Desporto da Assembleia. A atividade é aberta ao público e terá início às 9h.

Para o deputado João Coser, a discussão sobre como fomentar o turismo capixaba é oportuna. “A aprovação da Reforma Tributária nos coloca diante de um novo modelo de arrecadação, no qual os impostos sobre bens de consumo serão cobrados onde os bens e os serviços serão consumidos. Nesse sentido, o Turismo se apresenta como uma atividade econômica fundamental para geração de emprego, renda e tributos para o estado e para os municípios”.

Dados do Instituto Jones Santos Neves e da Secretaria de Turismo do Estado apontam que o turismo representa aproximadamente 7% da economia capixaba. Um percentual que, segundo João Coser, poderia ser mais significativo. “É inegável o potencial turístico que o Espírito Santo tem. Mas porque então nosso Estado não configura entre os principais destinos? O que dificulta a vinda ou a estada dos turistas aqui? O que podemos fazer para tornar o Espírito Santo mais atrativo? Essas são algumas das questões que queremos discutir na audiência na Assembleia”.

A intenção do parlamentar é colher proposições, fruto do debate, e apresentá-las ao Governo do Estado. “Queremos contribuir com o processo de construção de uma política de estado, que priorize as nossas potencialidades, permitindo que o Espírito Santo assuma a sua vocação natural para o turismo”.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape