ads-geral-topo
Sustentabilidade e Meio Ambiente

Cesan investe em inovação e sustentabilidade

O Espírito Santo tem avançado, investindo para além da ampliação e modernização da sua estrutura operacional

Por Redação

3 mins de leitura

em 24 de jun de 2024, às 11h58

Foto: Divulgação

O saneamento básico é um pilar essencial para garantir a dignidade da pessoa humana, a saúde pública e um meio ambiente equilibrado. Em diversas regiões do Brasil, essa realidade ainda é um desafio significativo, especialmente em estados menos favorecidos economicamente. O Espírito Santo tem avançado, investindo para além da ampliação e modernização da sua estrutura operacional. Pensar em estratégicas para garantir a segurança hídrica tem sido uma preocupação diária da Cesan (Companhia Espírito-santense de Saneamento).

São diversas frentes de atuação, com iniciativas que vão desde a construção de uma Estação de Reuso de Água para fins industriais, até a estruturação de uma usina de dessalinização e a construção de uma barragem. Será construída uma estação de tratamento de esgoto e produção de água de reuso. A ação garantirá à siderúrgica o fornecimento de água de reuso por 30 anos e permitirá a redução dos riscos de interrupção de suas atividades industriais devido à falta de água, enquanto a construção e operação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) e da Estação de Produção de Água de Reuso (EPAR) irão promover melhorias no saneamento.

Leia também: ES sedia maior conferência sobre sustentabilidade e ESG do Brasil

A solução implementada não só garantirá a continuidade das operações industriais como também aliviará a pressão sobre os recursos hídricos da região, garantindo que a água potável antes destinada à indústria fosse redirecionada para o consumo humano. Além desse projeto pioneiro, a Cesan está avançando com outro empreendimento ambicioso: a maior usina de dessalinização do Brasil, com capacidade para tratar 1.100 litros por segundo, a ser instalada no Espírito Santo.

Cesan investe em inovação

A participação da iniciativa privada em todos esses investimentos é fundamental para a implementação de tais medidas, e a colaboração entre o setor público e privado é essencial para garantir que o abastecimento de água e o saneamento básico sejam garantidos, independentemente de condições extremas de clima. E o novo marco regulatório do saneamento básico desempenhou um papel crucial ao trazer o tema para o centro das discussões, envolvendo diferentes setores da sociedade. Essa mobilização ampla foi um dos maiores ganhos, promovendo uma maior conscientização e priorização do saneamento básico em diversas agendas.

A construção de uma barragem, que garantirá a reserva hídrica para sustentar a região metropolitana por até quatro meses sem chuva, é outro exemplo de planejamento proativo, que demonstram que a Companhia está ciente da necessidade de adaptação e agindo, com inovação e ações sustentáveis, para enfrentar os desafios hídricos. Com o apoio de novas tecnologias, como a dessalinização, e o fortalecimento das políticas de saneamento, o Brasil pode avançar significativamente na universalização do saneamento básico e na garantia da segurança hídrica, contribuindo para um futuro mais sustentável e resiliente. Assim tem feito o Espírito Santo!

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta clicar aqui.

ads-geral-rodape